Bem-Vindo ao Banco de Dados da FEB. Este site foi desenvolvido para compartilhamento de dados e informações dos soldados Brasileiros que participaram da Segunda Guerra Mundial. É uma base de dados em contínuo aperfeiçoamento e constante atualização. É importante ressaltar que podem ocorrer erros e discrepâncias, visto que as informações presentes estão sujeitas a atualizações e correções.
Este é um serviço gratuito, colaborativo e sem qualquer intenção comercial, pois objetiva ajudar a resgatar a memória de nossos bravos combatentes.

Seguem algumas informações que podem lhe ser úteis

P. Possuo informações e/ou fotos e quero contribuir, como proceder?
R. Agradecemos qualquer ajuda no projeto! Basta entrar em contato pelo nosso email [email protected]

P. Procuro um nome e tenho certeza que ele participou da Segunda Guerra, mas não o encontrei aqui. O que houve?
R. Provavelmente ainda não conseguimos coletar nenhuma informação sobre este veterano. Se você tem informações sobre ele e quer compartilhar, agradecemos! Entre em contato pelo email [email protected]

P. Encontrei o nome que procuro, porém existem muitos resultados semelhantes. Como sei qual é o correto?
R. Infelizmente, a única possibilidade é se você tiver alguma informação que possa lhe ajudar. Em alguns dos registros, incluimos fotos, conforme encontramos, mas mesmo assim, em muitos casos há regitros de veteranos com o nome exatamente igual.

P. Encontrei um erro em um registro que vocês possuem, como corrigir?
R. Ótimo! Este site é uma plataforma colaborativa, agradecemos sua contribuição, que pode ser feita através do email [email protected]

P. Em um dos registros há fotos/informações de minha autoria, sem citar como fonte. Como proceder?
R. Basta enviar um email com a fonte correta e o registro a qual você se refere. Como contibuamos ‘garimpando’ informações na internet, sempre há a possibilidade de que tenhamos errado ou mesmo pego o material de alguém que não citou a fonte.

Este site é um projeto de Gustavo Buffé, em parceria com o Almanaque Militar e o Museu da Vitória – Brigadeiro Nero Moura e conta com o apoio página V de Vitória, da Paraná Militaria e A Segunda Guerra Por um Novo Ângulo.